Erros na gestão de pessoas que podem ameaçar o sucesso de uma startup

A gestão de pessoas é um dos maiores desafios para os empreendedores. O maior problema é que isso nem sempre é prioridade nas novas empresas, e só há uma atenção especial quando o negócio já tomou outras proporções.

Porém, alguns erros na gestão de pessoas podem comprometer o futuro da startup. Conheça os principais e saiba como evitá-los:

 

  1. Não ter um RH

Quando a empresa atinge um certo número de colaboradores, contratar um profissional para se dedicar à gestão de pessoas – gerenciar a equipe, supervisionar os projetos e buscar investimentos – é primordial.

 

  1. Esquecer a cultura da empresa

A cultura da empresa representa como pensam os que trabalham ali, porém garantir a “sobrevivência” destes valores nem sempre é fácil.  Do sócio ao estagiário recém chegado, é necessário reafirmar as expectativas e a cultura da empresa.

 

  1. Ter um CEO ausente

O empreendedor deve estar sempre junto ao time, orientando sobre as metas, celebrando as conquistas e exercendo a gestão de pessoas.

 

  1. Não medir o desempenho

Se não houver métricas, não haverá um rumo. Logo, é preciso estabelecer metas e a contribuição de cada um dentro da empresa, avaliando o desempenho e considerando as particularidades do negócio.

 

  1. Não ter processos

Conforme o negócio cresce, é preciso ir mantendo “a casa em ordem”. Para isso, além de conseguir investimentos e ter a equipe necessário, não se pode esquecer de desenvolver o passo a passo das tarefas e manter registros das informações.

 

Deixe um comentário

3 × três =